sexta-feira, fevereiro 18, 2011

Cerro Porteño mostra força, goleia e assume liderança do grupo do Santos

Se o Santos não conseguiu sair do 0 a 0 com o Deportivo Táchira, na terça-feira, em uma partida sem grandes emoções, o jogo que encerrou a primeira rodada do Grupo 5 da Libertadores foi o oposto. Em um duelo repleto de chances de gol, o Cerro Porteño (Paraguai) estreou muito bem na competição ao golear o Colo Colo (Chile) por 5 a 2, na noite desta quinta-feira, em Assunção.

O time paraguaio contou com quatro gols de argentinos para vencer na estreia. O experiente Nanni, que completa 30 anos em agosto, fez dois. E a revelação Iturbe, de apenas 17 e apelidado de "Novo Messi", entrou no segundo tempo e marcou outros dois.

Líder da chave, com três pontos, o Cerro Porteño é o próximo adversário do Santos na Libertadores. A partida será realizada no próximo dia 2, na Vila Belmiro. Na véspera, o Colo Colo volta a atuar fora de casa, quando vai à Venezuela para enfrentar o Deportivo Táchira.

Diante de sua torcida, o Cerro iniciou a partida a todo vapor e abriu o placar com apenas 1m40s. Após um lançamento longo para a área, Nanni deu um leve empurrão no zagueiro Scott, que trombou com o goleiro Castillo, ex-Botafogo. A bola sobrou para Nanni, que tocou para o gol vazio.

O time chileno mal teve tempo de se recuperar do impacto e sofreu o segundo. Julio de los Santos aproveitou um cruzamento da esquerda - e a saída atrapalhada do gol de Castillo - para ampliar aos sete.

Em desvantagem, o Colo Colo mostrou poder de reação e diminuiu aos 12. Jorquera dominou com categoria na entrada da área e chutou com categoria, no ângulo esquerdo.

O jogo seguiu eletrizante. Aos 25, De los Santos deu um chapéu no marcador no círculo central, arrancou e tentou encobrir Castillo. Mas encobriu também o gol. Cinco minutos depois, Formica, em cobrança de falta, exigiu que o goleiro uruguaio fizesse uma grande defesa.

No segundo tempo, o Cerro Porteño repetiu a estratégia da primeira etapa e fez uma blitz sobre o adversário. E fez o terceiro com um minuto. O jovem Iturbe, destaque da seleção argentina no Sul-Americano Sub-20 e que havia entrado em campo no intervalo, aumentou.

O quarto gol saiu aos 23. Varejo fez ótima jogada pela direita e foi derrubado por Castillo. Nanni cobrou bem, no canto direito, longe do alcance do arqueiro.

Apesar de desvantagem, o Colo Colo não desanimou e partiu para o ataque. Conseguiu diminuir aos 28, quando Morales lançou Paredes, que tocou na saída do goleiro Barreto. O time chileno pressionou e esteve muito perto de marcar o terceiro.

Mas acabou castigado aos 40 minutos, quando Iturbe recebeu na entrada na área, se livrou do marcador com um toque rápido e tirou a bola do alcance de Castillo com um chute de pé direito, com muita categoria.

0 comentários:

Postar um comentário